Buscar
  • Double Doces

Faça doces finos e comece a ganhar dinheiro!

Dica Double: quer incrementar sua renda ou até mesmo abrir um negócio? Vem que a Double Doces te da uma forcinha!



O Brasil vive uma crise econômica que se arrasta há um bom tempo. Viver apenas com o salário já não dá mais, é por isso que muitas pessoas têm investido em alternativas para incrementar a renda familiar. Abrir um negócio pode representar um risco, muitas pessoas se perdem no processo e acabam perdendo dinheiro. Por isso, a Double Doces vai te ajudar com algumas dicas para você ter um negócio de sucesso.


Uma ótima opção para investir em um negócio próprio é o comercio de doces. Cada vez mais em ascensão no país, a confeitaria tem ganhado espaço importante na vida do brasileiro, que está cada vez mais exigente com os produtos e serviços oferecidos por esse ramo.


Antes de entrar nesse mercado bastante competitivo, mas com espaço para todos, é importante primeiro entender como preparar os doces finos para vender.



Afinal, o que são Doces Finos?

Doces finos são bombons e docinhos finos diferenciados, com decorações mais refinadas e formatos que variam. Costumam ter muito requinte na hora da decoração, inclusive com embalagens especiais.


Tanto cuidado não é à toa: Quando o assunto é sobre ocasiões especiais, os doces finos são verdadeiras estrelas, quase sempre com uma mesa reservada só pra eles. Presentes em casamentos, festas de formatura, bodas e comemorações mais requintadas, é muito importante que a apresentação seja impecável e o produto, de qualidade.


Neste tipo de doce, é bastante comum que a decoração seja feita com fios de chocolate, frutas secas e castanhas. Algumas cores também entram, mas nunca em excesso – geralmente, um doce fino não tem mais do que 4 cores, sendo o uso do prata e dourado bastante comum.

Os doces finos também são muito utilizados como presentes, sendo dados em caixas bonitas e bem decoradas, fazendo a alegria de quem ganha.


Vale lembrar que: Durante muito tempo, os tradicionais brigadeiros foram deixados de lado. No entanto, hoje ele tem voltado a marcar presença graças às versões gourmet. Com diversas opções de cores e coberturas, o docinho que é paixão nacional agora é item obrigatório nos cardápios.



Confira 5 dicas para começar a fazer Doces e Bombons finos!


1. Invista no seu Aprendizado

Fazer doces finos para vender pode ser uma atividade bastante prazerosa, ainda mais para quem gosta de cozinhar. No entanto, seu preparo exige algumas técnicas de manuseio para que corresponda às expectativas de um produto final de qualidade. No geral, são cuidados bastante simples, mas essenciais para não desperdiçar o produto.


Caso você esteja realmente pensando em tirar sua ideia do papel, recomendamos fortemente que invista em um curso especializado. Isso fará você economizar materiais, tempo e, consequentemente, dinheiro.


Para ter sucesso nas vendas, é preciso ter sempre cuidado com a escolha da matéria prima, que deve ser de qualidade.



Quando se trata do chocolate, não caia na tentação de economizar por uma marca desconhecida ou então pelas “coberturas”, que não podem sequer ser chamadas de chocolates. Não economize, escolha uma marca já consolidada e aceita no mercado, ou correrá o risco dos clientes não gostarem dos seus doces e não fazerem nenhuma encomenda.


Depois da preparação dos doces, embale-os de forma adequada para que mantenham características como brilho, aroma e sabor. Trufas e docinhos finos de leite condensado são extremamente sensíveis, mas se bem preparados duram até 7 dias na geladeira.


Esses são alguns dos pontos que recomendamos na hora da preparação. Lembrando que, dependendo da receita, algumas técnicas podem variar, e por isso é importante que você tenha um material de qualidade.


3. SAIBA ONDE COMPRAR

Encontre fornecedores especializados cujos produtos sejam de preferência frescos (data de fabricação mais recente) e com bons preços.


Supermercados geralmente acabam deixando a desejar por não ter uma coisa ou outra, e às vezes os produtos (inclusive chocolate em grandes quantidades) estão esquecidos nas prateleiras já a algum tempo.


4. CONTROLE SEUS CUSTOS

Essa é uma parte importantíssima. Afinal, de nada adianta fazer todos os doces, trabalhar duro e entregar as encomendas se, no final do mês, a conta fecha no vermelho.


É importante saber exatamente o custo de cada docinho que está fazendo, pois só assim você poderá ter certeza de que não ficará no prejuízo. Isso também te ajudará a organizar tudo.

Lembre-se que itens como gás, água e energia também devem ser contabilizados!



5. PLANEJE SUAS VENDAS

Distribua amostras entre amigos, parentes, informe que você está aceitando encomendas de doces finos para o máximo de pessoas que puder. Se houver empresas perto de sua residência, deixe amostras também junto de um cartão com telefone para contato.


Uma boa estratégia é descobrir qual o horário de almoço da empresa e apresentar seus doces no intervalo, especialmente quando as pessoas estão retornando do almoço e pensando em uma sobremesa.


Lembre-se que, por ser um produto perecível, não é possível manter um grande estoque, então não faça em quantidades exageradas.


Invente sabores, embalagens, crie uma identidade visual própria e ofereça algo diferente e encantador aos clientes.


Gostou dica? Fique ligado que vem mais por ia! Aproveita e deixe o seu comentário, isso ajuda o Blog a melhorar cada vez mais.


Fonte: ideas.me


  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

© 2018 por Double Doces.

Amor pela confeitaria!

Todos os direitos reservados.